Marketing Digital para Advogado: Qual a melhor opção?

O que existe de melhor para divulgar sobre a atuação do escritório de advocacia de forma ética?

É aparecer bem google, criar vídeos, escrever artigos, redes sociais, inbound marketing, afinal, qual o melhor tipo de publicidade para advogados? É sobre isso que vamos falar agora! 

Você já percebeu que a transformação digital mudou tanto a nossa vida que, quando falamos em marketing para advogados, já logo pensamos em opções digitais?

Redes sociais? WhatsApp? Sites? Vídeos?

E com tantas opções para o advogado, para não errar na hora de escolher a melhor opção para o seu escritório, não podemos esquecer que marketing digital é primeiramente marketing, e marketing é coisa séria!

Marketing Digital antes de tudo se trata de Marketing

E um dos principais conceitos que aprendemos quando estudamos publicidade, são os quatro pilares básicos de qualquer estratégia de marketing:

  • Produto
  • Praça
  • Preço
  • Promoção.

E Promoção não é leve 2 pague 1.

A Promoção é como o serviço ou o produto vai ser promovido, qual o canal faz mais sentido de ser explorado, e é aqui que a maioria dos advogados erra na hora de fazer marketing digital.

Para te dar um exemplo prático, responda só uma pergunta: Você sabe dizer porque não tem propaganda da Ferrari no intervalo do Jornal Nacional?

A Ferrari não é uma grande fabricante de carros? E no intervalo do jornal não tem propaganda de carro? Mas então, porque vemos propaganda da Fiat, e não da Ferrari no intervalo do Jornal Nacional?

Bom, a resposta está lá nos 4 Ps no marketing: Produto, Praça, Preço, e Promoção!

Comparando isso entre Fiat e Ferrari, o produto da Fiat é o carro popular, a praça poderia ser classe média. E o preço é baixo, se comparar com as opções de veículos, e a promoção (a forma que ela promove o produto) é divulgação para grande massa, com outdoor, tv aberta, etc.

Mas e a Ferrari? O produto é carros esportivos, a praça é publico classe A, o preço é elevado, e a promoção (como ela promove o produto): faz eventos luxuosos, patrocina grandes eventos. Ela não faz comercial na tv aberta por que não é eficiente para chegar até o público dela.

Os 4 Ps do marketing precisam ser considerados por todos os advogados que querem fazer marketing de verdade

Conte para nós: Sua advocacia é Fiat ou Ferrari? E não tem melhor ou pior neste caso não tá? É uma questão de escolher a forma que vai se posicionar, a forma de atuar, qual publico vai atender e que valor vai praticar.

Tudo isso faz diferença na hora de definir a estratégia de comunicação, e é por isso que só tentar copiar o que outros advogados estão fazendo na internet, muito provavelmente pode não funcionar para atuação do seu escritório!

Já vimos muito advogado querendo atuar com compliance empresarial, multinacionais, consultorias jurídicas com alto valor, e acreditam que contratando um pacotinho de postagens semanais na rede social, já está feito o marketing digital.

Não é porque um tipo de estratégia funcionou bem para DPVAT e previdência em um escritório lá no interior de Goiás, que a mesma estratégia vai funcionar para trabalhar com holdings em São Paulo.

O Marketing jurídico digital não é copiar o que outros advogados estão fazendo na internet, porque não é assim que se faz marketing! 

E não existe uma receitinha de bolo que você aplica em qualquer escritório e a mágica acontece: Abriu a torneira de clientes! Não é assim que funciona.

O seu produto, preço e praça tem grande influência na decisão da Promoção, na escolha a melhor forma de promover os serviços do escritório.

Mas a boa notícia é que para ajudar os advogados a entenderem todas essas possibilidades dentro do marketing jurídico digital, só gravar um video rapidinho não seria suficiente para explicar tudo que você precisa saber, e foi por isso que nós criamos um guia completo sobre o assunto.

👉 Guia Completo do Marketing Jurídico Digital

Dando uma palhinha rápida, neste caso, tem funcionado muito bem as estratégias de comunicação para atingir os possíveis clientes que já estão mais próximos de contratar um escritório, como, por exemplo, destacando seu escritório no topo das pesquisas do Google.

Sim! Evidenciar seu escritório para quem já quer, precisa e busca pelos seus serviços no Google, geralmente é uma ótima forma de expandir a carteira de clientes em curto prazo e com investimento relativamente baixo.

Mas existem casos que os clientes não então procurando no google, e é nesse momento que estratégias de marketing de conteúdo e marketing de atração podem conduzir esses potenciais clientes por uma jornada de aprendizado e descoberta, reconhecimento do problema, consideração da solução e até o tão esperado fechamento do contrato com o escritório.

Gostou do conteúdo? Se você tem alguma dúvida ou um tema para sugerir, deixe nos comentários, porque a sua opinião é muito importante para nós.