Site Para Advogado

Site para Advogado: Tudo que você precisa saber para montar o seu

Neste artigo, explicaremos detalhadamente quais os tópicos a serem seguidos na criação de um site para advogado e os critérios a serem considerados, pois o site está além de uma página bonita na internet.

O site é sua marca na internet e deve ser feito com cuidado e atenção para passar a mensagem correta ao receptor.

Por isso, o artigo está repleto de informações sobre como você pode criar o site do seu escritório de advocacia e ser bem-sucedido.

A importância do site para o advogado

A princípio, a criação de site sempre esteve atrelado à contemporaneidade e nunca se fez tão presente como hoje.

Estar online significa ser notado pelas principais ferramentas de busca e isso é importante porque nosso primeiro instinto diante de um problema é “pesquisar no Google”.

Então a primeira impressão está no conteúdo e na seriedade que se passa na internet, afetando a percepção de quem busca efetivamente pela resolução de um problema. E depois, se é você quem poderá ajudá-lo nesta tarefa.

Mas antes que você cite as redes sociais como o meio principal para criação de autoridade online, lá não deve ser seu principal foco de energia, tempo e dinheiro.

Isso pelo simples fato de não haver garantias de que elas existirão para sempre.

O site institucional é o seu terreno na internet, podendo criar uma identidade única. Por isso, dedique sua energia para construir um alicerce sólido e respeitável para quem procura um profissional notório.

O que diz o Código de Ética da OAB sobre os sites para advogados

Segundo o Art. 39. do Código de Ética da OAB:

A publicidade profissional do advogado deve ser unicamente informativa, buscando sempre a sobriedade e não mercantilização da profissão.

Inclusive, o Código de Ética da OAB veda apenas algumas práticas quando diz respeito aos meios de comunicação, como debater causa de outro advogado, responder à consulta sobre matéria jurídica, abordar temas que comprometam a dignidade da profissão, divulgar listas de clientes e demandas e insinuar-se para reportagens e declarações públicas.

Entretanto, não proíbe o uso da internet e da telefonia como veículo de publicidade.

Sendo assim permitidas para o envio de mensagens a destinatários certos, desde que não configure captação de clientela ou torne a profissão mercantil.

Ou seja, é possível se promover como advogado sem ferir o Código de Ética da OAB e prospectar possíveis clientes sem mercantilizar a profissão.

Como Criar um Site para Advogado

Primeiramente, criar um site para advogado pode se tornar uma tarefa complicada se você não souber por onde começar.

INSCREVA-SE NO NOSSO CANAL NO YOUTUBE

Por isso resolvemos montar este guia, para ajudar você e outros Advogados que desejam ter seu primeiro site ou reformular um já existente.

1. Registre o domínio do site

Antes de tudo, para começar a pensar na criação do site, é preciso que já faça o registro do domínio.

O Domínio é o endereço do seu site, é através dele que qualquer pessoa poderá acessá-lo.

Para fazer o registro, é aconselhável que seja feito através do Registro.br. O Registro.br é o departamento do NIC.br responsável pelas atividades de registro e manutenção dos nomes de domínios que usam o .br no Brasil.

Domínio para Sites de Advogado

O registro do domínio é muito simples, basta acessar o site do Registro.br e digitar no campo “pesquisar domínio” o endereço que você deseja registrar. O domínio estando disponível, clique em registrar e siga os passos seguintes.

Em suma, ele tem validade de 1 a 10 anos e o custo dependerá do tempo escolhido.

Por isso fique atento, sempre que estiver próximo da renovação, o proprietário receberá um aviso por e-mail e caso não seja feito, você poderá perdê-lo. 

2. Monte um planejamento

Posteriormente ao registro do domínio, é hora de começar a pensar na estrutura do seu site. Essa etapa te ajudará a definir muita coisa daqui para frente.

Entretanto, quando falamos em pensar na estrutura do site, não quer dizer que seja necessário entender de código ou design.

Neste momento você deverá pensar no tipo de conteúdo que terá nele e principalmente, qual a impressão que você quer passar para seus clientes.

Por isso, te ajudaremos nessa missão, separamos algumas dicas para criar o esboço de um site para advogado.

Busque por referências

Saber o que outros advogados já estão fazendo, pode te ajudar neste momento.

Então procure no Google os sites de advogados que você admira ou tem conhecimento e anote tudo que achar interessante.

Liste as páginas que terão no seu site

Depois de ver os sites de outros advogados, você já deve ter percebido que a maioria deles contam com páginas parecidas.

Então coloque no papel quais serão necessárias para o seu escritório.

Para te ajudar, separamos algumas que poderão ser importantes.

  • Página inicial ou Home: essa é a principal página e nela sempre terá um resumo do conteúdo do site;
  • Quem somos ou Sobre: aqui os advogados costumam inserir um pouco da história do escritório, apresentam seus currículos e exibem fotos da sua estrutura;
  • Áreas de atuação: é aqui que você irá inserir todas as áreas que atende. Muitos escritórios preferem apenas listar as áreas de forma simples, já outros costumam não só listar, mas também criar uma página para explicar cada uma das áreas em que atuam;
  • Blog, Novidades ou Notícias: essa seção do site será muito importante, pois é o local que serão inseridos todos os artigos que te ajudarão a ter um bom posicionamento no Google; 
  • Fale conosco ou Contato: por ela que pessoas interessadas no seu serviço te enviarão mensagens, além de conter informações como endereço, mapa de localização e telefone.

3. Escolha uma solução de site para advogado

Depois que você adquiriu o domínio e montou o esboço do seu site, chegou o momento de escolher a melhor solução para a criação do site do seu escritório.

Então podemos dizer que existem três formas de você adquirir um site: por conta própria, utilizando plataformas que disponibilizam modelos profissionais, ou contratando uma agência de Marketing Jurídico Digital para desenvolver um site de advogado personalizado.

Mas qual é a diferença entre essas três opções e qual escolher? 

Primeiramente explicaremos em detalhes como funciona cada uma e qual pode ser a mais indicada no seu caso. 

👎 Site para Advogado por conta própria

Criar um site para seu escritório por conta própria pode ser uma opção, caso você queira economizar o máximo possível, mas saiba que essa não é uma tarefa fácil.

Você poderá usar opções como o Wix, ou até mesmo contratar uma hospedagem de sites que ofereça a opção de instalar um CMS, como o WordPress.

Em tese parece ser algo simples, mas todas as questões técnicas relacionadas a configuração de DNS, domínio e e-mails, você terá que fazer sozinho.

Enquanto a estética final do design do site estará sujeita a problemas.

Por não ter conhecimento de web design, o resultado poderá não ser satisfatório.

⚠️ Se o objetivo do site é justamente transmitir uma boa imagem, profissionalismo e credibilidade, tentar economizar utilizando esse tipo de solução pode ser inviável.

👍 Plataformas de Sites para Advogados

Hoje em dia se encontra na internet uma infinidade de plataformas de sites para advogados.

Todas elas cobrarão por mensalidade, como se fosse um aluguel para você usar a estrutura. 

Uma das grandes vantagens dessa opção é que não será necessário fazer um grande investimento para ter um site.

Porque a maioria das plataformas que oferecem este serviço costumam oferecer um site por menos de R$ 100,00.

Em segundo lugar, a outra grande vantagem dessa opção é a rápida entrega. Basta você escolher um modelo e efetuar o pagamento. Em poucos dias seu site estará no ar.

Por isso, fique atento! Algumas opções podem parecer baratas, mas muitas delas não se adéquam a sua necessidade.

Ademais, é importante comparar todas as opções.

Veja algumas dicas para contratar a melhor opção para plataforma de sites para advogado:

  • Primeiramente, encontre uma plataforma que desenvolva especificamente sites para advogados;
  • Então busque por opções que tenham Gerenciador de conteúdo. Isso irá permitir que você altere todo o conteúdo do site sem o auxílio de um profissional;
  • Algumas plataformas oferecem e-mails personalizados. O e-mail personalizado te ajudará a transmitir uma imagem profissional perante seus clientes (ex.: seunome@seudominio.com.br);
  • Contudo, lembre-se que integração com WhatsApp é essencial para qualquer site de advogado;
  • Ter integração com redes sociais é um item muito importante;
  • Pessoas buscarem e encontrarem o seu site de advogado com uma boa apresentação é o objetivo principal. Então contratar uma plataforma que seja otimizado para o Google (SEO), é primordial;
  • Hoje, a maioria das pessoas já acessa a internet através de dispositivos móveis, por isso não deixe de contratar uma plataforma que te entregue um site adaptado para dispositivos móveis (site responsivo);
  • Por fim, veja se a plataforma te permite ter um Blog.

Indicamos então aos Advogados autônomos, em início de carreira, pequenos escritórios ou que buscam uma solução completa e de baixo investimento.

👉🏼 Uma solução que indicamos é a Site Start da Bonafide. São modelos exclusivos para advogados e com um preço acessível.

👍 Sites Personalizados para Advogados

A criação de sites personalizados para advogados pode ser uma ótima opção se você busca por um modelo único e que se encaixe com as suas necessidades.

Normalmente as soluções de Plataforma de Sites para Advogados costumam ter modelos prontos.

Isso quer dizer que a estrutura do seu site poderá ser semelhante à de outro advogado.

Enquanto contratando uma solução de site para advogado personalizado, você terá um site com layout único e feito exclusivamente para seu escritório. 

Por outro lado, o prazo de entrega e o custo dessa solução é superior aos sites de plataforma, mas você não terá que pagar mensalidades.

Para garantir os melhores resultados nesta opção, contrate uma empresa especializada na criação de sites personalizados para advogados

Ao contratar uma Agência de Marketing, é importante ficar de olho em alguns pontos:

  • Busque por empresas especializadas em marketing jurídico digital
  • Opte por empresas que desenvolvam sites utilizando a tecnologia WordPress. Essa tecnologia é a mais difundida no mundo e está presente em mais de 35% de todos os sites da internet. Isso vai ajudar possíveis ajustes futuros e a eventual manutenção por diferentes profissionais.
  • Escolha empresas com tempo de mercado. Assim você não correrá riscos em deixar seu site na mão de pessoas inexperientes.

Indicamos a opção de site personalizado para advogado principalmente para médios e grandes escritórios que buscam um design exclusivo e recursos personalizados.

👉🏼 Desde 2012 a Bonafide Marketing Jurídico Digital desenvolve sites personalizados para advogados. Se você está procurando uma solução como essa, peça o contato de um consultor da nossa equipe.

4. Contrate uma hospedagem de sites para advogados

Nesse momento, a contratação da hospedagem dependerá da solução escolhida na etapa anterior. 

Se você optou por uma plataforma de site para advogado, não será necessário a contratação de uma hospedagem, então pule esta etapa. 

Mas se você optou por um site personalizado, com certeza você terá que adquirir uma hospedagem de site para advogado.

Nesse sentido, saiba que a hospedagem é o local onde se guarda todos os arquivos do seu site (códigos, imagens, textos…).

Por isso é um item obrigatório quando falamos em criar um site.

Por isso, ao contratar uma empresa para criar o site do seu escritório, é certo que eles indicarão uma hospedagem para você usar.

Mesmo assim é importante saber se a hospedagem que você está contratando é uma boa opção. Veja algumas dicas:

  •  Valor da hospedagem: as empresas de hospedagem costumam ter planos, mensais, semestrais, anuais, bianuais e trianuais. Quanto mais tempo contratar, mais desconto você terá.
  • E-mail personalizado: quantos e-mail personalizados a hospedagem oferece? Se sua equipe for grande, é possível que precise de muitos e-mails.
  • Espaço de armazenamento: ao contratar uma hospedagem você estará comprando o direito de usar um espaço dentro de um servidor. Por isso, se você acredita que terá muitos conteúdos, é importante saber qual é o tamanho do armazenamento. Isso porque você compartilhará este espaço com os e-mails.
  •  Certificado de segurança (SSL) grátis: muitas hospedagens cobram a parte por um certificado de segurança. Por isso, escolha por hospedagens que ofereçam gratuitamente.

Neste momento, a hospedagem que indicamos para todos os nossos clientes é a Hostgator. Ela se enquadra em todos os itens citados na lista anterior.

Hospedagem de sites para advogados

5. Produza os conteúdos do site

Este é o momento que você terá que começar a produzir conteúdos e escolher as melhores imagens para seu site. Esta etapa também pode ser iniciada enquanto o site é desenvolvido.

Para te ajudar neste processo, listamos aqui algumas dicas importantes:

  • Evite o juridiquês. Entenda que seu cliente na maioria das vezes não estudou direito e não sabe o significado de palavras em latim. Escreva de forma simples e que seja de fácil entendimento para qualquer pessoa.
  • Utilize o máximo de recursos que puder para explicar cada uma das suas áreas de atuação (texto, imagem, vídeo, infográfico,…).
  • Escolha com cuidado cada uma das imagens e veja se elas estão condizentes com seu público.

Contudo, a escolha das imagens é tão importante quanto o conteúdo escrito.

Portanto, dependendo do seu público e se tiver um belo escritório, mostre sempre que puder as imagens da sua estrutura. 

Se acaso você não tiver um belo escritório ou não queira mostrá-lo, não tem problema, utilize fotos de bancos de imagens. Para te ajudar selecionamos alguns bancos de imagens gratuitos:

Todavia, lembre-se de fazer uma boa revisão nos conteúdos antes de colocar o site no ar.

6. Publique o site do seu escritório

Se você concluiu todas as etapas anteriores com sucesso e inseriu os conteúdos no site, ele estará pronto para ser publicado, ou seja, disponível para que todos possam ver.

Logo, a publicação do site dependerá da solução que você escolheu. 

Se a sua escolha foi a utilização de uma plataforma de sites para advogados, provavelmente terá alguma opção de publicação do site ou você deverá contatar o atendimento da plataforma.

Agora, se você contratou uma agência de marketing jurídico para criar o site, você deverá avisá-los de que os conteúdos estão prontos, então eles farão todos os processos para que seu site fique disponível publicamente.

Enfim com todas essas etapas concluídas fica a pergunta: termina aqui o trabalho?

A resposta é não! Está apenas começando.

Isso mesmo, o trabalho não acaba aqui. O objetivo de todo site publicado na internet é que as pessoas o vejam, correto?

Então como faremos para que o seu site seja visto pelo seu público-alvo, ou melhor dizendo, pela sua persona?

Enfim trataremos esse assunto adiante.

Como colocar um site de Advogado em Primeiro Lugar no Google

A resposta para essa pergunta vale muito, principalmente em segmentos os quais existe uma grande concorrência, como é o caso da Advocacia.

Estar em primeiro lugar no Google depende de uma série de fatores, que de tempos em tempos podem mudar.

Normalmente esses fatores estão ligados ao conteúdo e principalmente à experiência do usuário. O objetivo do maior buscador do mundo é a entrega do melhor resultado possível para seus usuários.

É importante também entender que não existe nenhum tipo de documentação ou “manual para ficar em primeiro lugar no Google”.

O que existe é um guia de boas práticas para se seguir. Se o site do seu escritório estiver seguindo todas as boas práticas, com certeza você terá chance de estar entre os primeiros ou na primeira página da pesquisa.

Então vamos imaginar que seu site esteja seguindo todas as boas práticas do Google e mesmo assim ele não consegue nem aparecer na primeira página quando você busca por uma área em que atua, ou qualquer outro termo relacionado aos serviços do seu escritório.

O que pode ser feito?

É sobre isso que explicaremos no conteúdo a seguir.

A estrutura do resultado de busca

Antes de explicar como seu site pode tomar a primeira ou as primeiras posições do Google, é necessário entender a estrutura do resultado de busca. Acompanhe a imagem a seguir:

Google Meu Negócio
Parte do resultado de busca obtido ao pesquisar por “Advogado São Paulo” no dia 11 de maio de 2020.

1️⃣ Resultado pago: os primeiros e os últimos resultados que aparecem na página do resultado de busca são anúncios do Google Ads, também conhecidos como links patrocinados. Eles podem ser identificados com a palavra anúncio junto ao link. Em média são três anúncios na parte superior e três anúncios na parte inferior.

2️⃣ Cards do Google Meu negócio: os cards do Google Meu Negócio costumam aparecer quando o usuário faz uma pesquisa e existem locais relacionados próximos a ele. Além disso, é possível que o card apareça quando alguém procurar pelo nome de um escritório. Os cards do Google Meu Negócio também são resultados orgânicos.

3️⃣ Resultado orgânico: Refere-se de uma maneira geral aos resultados naturais, ou seja, “não pagos”. Por padrão, o Google lista em média dez resultados orgânicos por página. Os sites listados aqui aparecem de acordo com o conteúdo de cada página.

Analisando a estrutura do resultado do Google podemos dizer que ela se divide basicamente em resultado orgânico e resultado pago.

SEO para Advogados: porque e como conseguir um bom posicionamento no Google de forma Orgânica

O termo “orgânica(o)” quando associado a mecanismos de pesquisa, redes sociais, ou até mesmo ao marketing jurídico digital, significa que você não investiu em anúncios para que um resultado fosse obtido. 

INSCREVA-SE NO NOSSO CANAL NO YOUTUBE

Então quando falamos que um site de advogado está em primeiro lugar no google de forma orgânica, estamos querendo dizer que não foi necessário investir dinheiro em anúncios do Google Ads para que isso acontecesse.

Neste caso foram criadas estratégias de otimização para atingir este objetivo principal, que em termos técnicos podem ser chamadas de estratégias de SEO (Search Engine Optimization).

Essas otimizações nem sempre serão feitas dentro do seu site (on-page), algumas vezes poderão ser feitas fora dele (off-page), como por exemplo, a criação de um perfil para seu escritório no Google Meu Negócio.

Google Meu Negócio para Advogados

Quando falamos em otimizar o seu site para os mecanismos de busca, também devemos saber que teremos que fazer otimizações externas, ou seja, que estão fora do seu site. 

Uma das otimizações externas que devem ser feitas é montar um excelente perfil do seu escritório no Google Meu Negócio.

O Google Meu negócio é uma plataforma do Google destinada a cadastrar locais e fornecer informações sobre eles aos usuários.

Essas informações são exibidas no resultado de busca, sempre que alguém pesquisar por termos relacionados a um local.

Imagine que uma determinada pessoa está buscando no Google por advogado trabalhista.

O Google trará os cards (termo usado para se referir as caixas de endereços que aparecem no resultado de pesquisa) de endereços que possam estar citando de alguma forma o termo pesquisado no perfil.

Já a ordem que em eles aparecerão, será de acordo com a distância que o endereço está do usuário.

Criamos um vídeo com o passo-a-passo ensinando como cadastrar seu Escritório de Advocacia no Google Meu Negócio.

Além disso você verá algumas dicas para deixar o seu perfil o mais otimizado possível.

INSCREVA-SE NO NOSSO CANAL NO YOUTUBE

Marketing de Conteúdo Jurídico

Com a primeira otimização externa concluída, o próximo passo é começar a trabalhar a sua otimização interna.

As otimizações internas de SEO para sites de advogados, podem envolver diversas questões técnicas que exigirão um conhecimento específico, principalmente de codificação.

Nelas, poderão envolver questões relacionadas a velocidade de abertura de uma página, possíveis erros de redirecionamentos e links quebrados.

Então para essas questões, aconselhamos você a procurar um especialista em SEO para sites de advogados.

Mas existem aprimoramentos que não exigirão conhecimentos tão avançados, pois estão relacionadas diretamente ao conteúdo do seu site.

É neste momento que começamos a trabalhar a otimização seu conteúdo.

A criação de um conteúdo que seja do interesse dos seus usuários, com certeza é o que exercerá o maior impacto no posicionamento do seu site.

Blog de Marketing Jurídico Digital

As pessoas sabem reconhecer um bom conteúdo, e quando isso acontece, existe uma grande chance delas compartilharem seu conteúdo com as outras, através de redes sociais, e-mail, fóruns, mensagens de whatsapp e assim por diante.

Essas ações ajudarão seu site a construir uma boa reputação, não só com os usuários mas também com o Google.

Essa boa reputação só será possível com conteúdos de qualidade.

Um material só será bom quando ele for útil para alguém.Então sempre que formos produzir qualquer tipo de conteúdo, devemos lembrar para quem ele será produzido.

Além de saber para quem o conteúdo será produzido, devemos também pensar em qual formato ele será entregue.

Quando falamos em formato, estamos querendo dizer se o conteúdo será apresentado em texto em um blog, em vídeo no Youtube, podcast, ebook, quiz e qualquer outro formato que possa ser usado.

Para ajudar a entender melhor todos os essas questões, separamos algumas dicas sobre produção de conteúdo para advogados:

Google Ads para Advogados

Além de demorar meses ou anos para conseguir um certo destaque no Google, vimos que não é uma tarefa muito fácil conseguir um bom posicionamento orgânico no Google.

Isso porque exige um investimento de tempo muito grande na produção de conteúdos.

INSCREVA-SE NO NOSSO CANAL NO YOUTUBE

Além disso, existe outro caminho que pode ser seguido, que talvez possamos chamá-lo de atalho, ou melhor dizendo, Google Ads.

O Google Ads é uma ferramenta essencial na estratégia de aquisição de novos clientes.

Com essa ferramenta, seu escritório poderá ter maior visibilidade no Google, que por consequência, poderá lhe trazer novos clientes.

Seu modo de funcionamento pode parecer simples, se você não conhece muito bem como funcionam as engrenagens da ferramenta.

Você cria uma conta no Google Ads e insere créditos. Depois basta você criar anúncios com base em palavras-chave.

Mas atenção! Essa visão simplista do Google Ads poderá te fazer perder dinheiro e oportunidades, caso a ferramenta não esteja corretamente configurada.

Por isso, é muito importante que você conheça bem antes de começar a produzir seus primeiros anúncios, se possível, procure a ajuda de profissionais especializados na Gestão de Google Ads para Advogados.

Criamos um curso focado em Google Ads para Advogados, que te ajudará a entender melhor como funcionam os anúncios.

👉🏼 Saiba mais sobre o Curso de Google Ads para Advogados

A importância de um especialista em Criação de Sites para Advogado

Como você bem leu, há diversos tópicos e critérios a serem seguidos na construção de um bom site para que resulte numa boa performance, afinal, ele é um investimento e deve assim ser visto.

Especialistas trabalham com a criação de site todo dia e já sabem o que é necessário ter e não ter, como hospedar o site, qual deve ser a estrutura e muito mais.

Além de que, oferta-se o suporte necessário para eventuais dúvidas e problemas.

Um especialista pode te oferecer ideias, indicar boas práticas e criar um site digno do seu desejo, um site que retrate efetivamente a sua autoridade como advogado e que faça valer o seu investimento.

  • Escrito por
  • Vitor Garcia
  • Especialista em Marketing Jurídico Digital

Sobre o autor

Graduado em Tecnologia em Produção Multimídia. Atuou como professor de Design pelo SENAC-MS e é consultor de Inovação e Marketing Digital pelo mesmo. Paralelamente, auxiliou empresas de diversos segmentos e localidades a expandirem através dos meios digitais. Certificado pelo Google, foca atualmente em auxiliar Advogados a vencerem a concorrência através do Marketing Jurídico Digital.