3 Estratégias Essenciais de Marketing Jurídico Digital Para Atrair Clientes na Advocacia

Por ser algo relativamente novo no mundo da advocacia, muitos advogados não sabem da possibilidade de utilizar marketing na profissão.

Acontece que é completamente possível e possui retorno certo, sendo que quem está de fora, certamente está perdendo.

E isso porque está cada vez mais clara a virtualização da vida pela qual nossa sociedade passa.

Muitos dos fenômenos praticados apenas presencialmente passaram a ser virtualizados, até mesmo no mundo jurídico.

Processos digitais, diário eletrônico e audiências online são exemplos que advogados mais velhos nunca acreditariam 50 anos atrás. 

Vários atos da vida passaram para o mundo digital e táticas de atração de clientes também.

Portanto, o advogado deve estar presente na Internet para se manter competitivo e pode marcar essa presença por meio das dicas que iremos apresentar a seguir.

1. Esteja nas Redes Sociais e Faça delas sua Apresentação Pessoal

O poder de alcance das redes sociais é gigantesco e está crescendo cada vez mais.

Portanto, um perfil profissional é essencial para uma estratégia de Marketing Jurídico Digital.

Mas muitos advogados não sabem muito bem como usar as redes sociais de modo profissional, então aqui vai uma dica.

As utilize como um verdadeiro portfólio, uma apresentação de você e de suas conquistas enquanto profissional. 

Isso porque certas profissões possuem apelo visual muito grande e, em razão disso, experimentam um boom com as redes sociais. 

São os tatuadores, cabeleireiros, esteticistas, pintores e etc, que para mostrarem seu talento, basta que postem fotos. 

Mas e na advocacia?

É muito difícil expor uma brilhante tese desenvolvida por você ou sua capacidade argumentativa em petições nas redes sociais.

Portanto, o advogado deverá remodelar o uso das redes sociais e cativar seu público por meio de seu trabalho mesmo o apelo visual sendo reduzido.

E como fazer isso?

Mostre sua trajetória, suas vitórias, destaques e diferenciais! Deixe claro que não surgiu do nada. As pessoas adoram histórias.

Outra forma de mostrar quem é você, sua capacidade técnica e a área de atuação é a produção de conteúdo.

Sobre isso também temos algumas dicas.

2. A Produção de Conteúdo para o Marketing Jurídico de Forma Eficaz

A produção de conteúdo é uma forma muito boa de atrair mais clientes para seu escritório de advocacia.

Mas ela deve ser feita da maneira correta, para que atinja os fins para o qual se destina.

Não basta que o advogado produza pequenos textos e poste em suas redes sociais. 

Aqui voltamos a falar da importância da delimitação do público-alvo. 

Com o que seus possíveis clientes se interessam? Qual linguagem melhor os atinge? Qual rede social estão?

Todas essas são perguntas que só podem ser respondidas quando o público-alvo está bem delimitado.

Do contrário, o advogado ficará produzindo conteúdos a esmo e eventualmente atingirá um de seus seguidores.

Ainda, outra questão a ser considerada é a seguinte pergunta: 

Quando você realizou uma pesquisa no Google, algum dos resultados foi de rede social?

Muito dificilmente a resposta será sim e isso nos leva à próxima dica. 

3. Para desenvolver Marketing Jurídico Digital o Advogado deve ter seu próprio Site Jurídico

Imagine a Internet como o mundo, o que são as redes sociais? São parques de diversões ou shoppings.

As pessoas estão ali se divertindo, socializando e consumindo. Todos podem ingressar e alguns o fazem com objetivos profissionais.

Mas é importante saber que shoppings e parques possuem donos e regras próprias, assim como as redes sociais.

Construir seu marketing jurídico digital exclusivamente em redes sociais é vender seus produtos nas lojas dos outros.

Até certo momento pode ser interessante, mas quando negócio cresce, o correto é construir sua loja no seu próprio terreno.

Também é assim com o site do advogado. Ter seu próprio “terreno” na Internet quer dizer seguir suas próprias regras.

Ter seu site jurídico quer dizer que terá acesso ao público que não está conectado a você por redes sociais.

O advogado deixará de produzir conteúdo apenas para quem o segue e passará a atingir quem está pesquisando palavras relacionadas ao conteúdo produzido.

Será muito mais eficaz, posto que quem joga no Google determinada pergunta em busca de uma resposta, está com problemas.

E o seu conteúdo poderá ajudá-lo a compreender que precisa de um advogado para resolver seus problemas.

Se o seu conteúdo for de qualidade, certamente você será o advogado escolhido e assim terá mais um cliente para seu escritório de advocacia.

Uma estratégia de Marketing Jurídico Digital repercute de maneira Positiva no seu Marketing Pessoal

Estar presente na Internet e nas redes sociais, disponibilizando conhecimentos acerca de sua profissão gera reconhecimento e admiração.

Tanto de possíveis clientes, quanto de colegas de profissão e alunos de direito. 

É uma ótima oportunidade de expor ideias, debater e demonstrar habilidades técnicas. 

Relembrando que tudo ficará afixado para que quando um possível cliente se depare com suas redes sociais veja quem você é enquanto profissional.

E todo o conteúdo produzido agregará valor à sua marca e imagem, contribuindo sobremaneira para seu Marketing Pessoal.

O Marketing Jurídico Digital é uma das Principais saídas para o Advogado aumentar suas demandas

É certo que uma solução eficaz para a pergunta “como captar clientes na advocacia?” é o Marketing Jurídico Digital.

Tanto para os advogados que estão iniciando a carreira, quanto para aqueles que querem aumentar sua carteira de clientes.

Está claro que tudo está sendo transportado para o mundo virtual e quem ficar de fora será deixado para trás.

A presença digital passou a ser básico para os advogados preocupados com Marketing Pessoal, crescimento e captação de clientes.

E uma estratégia de Marketing Jurídico Digital bem estruturada pode te ajudar em tudo isso, além de ser imprescindível para aumentar a atração de clientes para seu escritório de advocacia.